TEMA CRIADO POR PYZAM AND EDITADO POR EWERTON »

quarta-feira, 14 de abril de 2010

Novas Asas

Logo após o nascimento,
Cortam-nos as asas
E deixam o corpo incapaz de alcançar vôo novamente
Em algum lugar, entre o céu e o inferno!!!
Há muito tempo essa história se repete
E sempre os anjos livres,
Que passam seus dias a desfrutar da liberdade,
Se transformam em meros humanos...
Perdem o dom do vôo
Perdem parte da liberdade
Perdem parte da compreensão
Perdem parte da sua alma...
A razão então cobre esse vazio
E passamos a criar leis e regras
Que nos prendem ainda mais
Talvez porque ainda não tenhamos aprendido
A lidar com esse mundo totalmente estranho...
Ou talvez porque a sensação que temos ao quebrar algumas regras
Nos devolve momentaneamente o prazer
Do vento batendo em nossos rostos,
Enquanto nossas asas sobem e descem...
Mas é como se fosse uma droga,
O efeito é momentâneo
Depois que passa, voltamos à realidade,
Novamente temos as asas amputadas,
Novamente somos incapacitados
Novamente angústias e tristezas
Pesam sobre essa parte da alma
Que a razão ainda não destruiu.
Porém ficamos viciados,
E passamos a sempre buscar alternativas
Para conseguir novas asas,
Mesmo que sejam descartáveis...
Mesmo que depois de um tempo, desapareçam...
Pois essa parte da alma que ainda nos resta
Não descansará até que se torne completa novamente,
Mesmo que para isso, tenha que passar
De habitar neste pedaço de matéria
E voltar a viver em um mundo espiritual,
Com novas asas...

Ewerton H. Marschalk

2 comentários:

Srtª Bêêh disse...

Mas talvez haja um mundo a parte, onde possamos voar livremente sem que o juízo nos invada a luxúria.

EwertoN disse...

espero eu encontrar este mundo um dia... brigado beh *-*